Blog :: Ministério Vinho Novo


Arquivos Anteriores


Categorias


+Lidas


Parceiros


05 de abril de 2015

...da escravidão para liberdade.

Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres. João 8.36

E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. João 8.32.

 Páscoa é libertação!

Páscoa é JESUS.

 

A PÁSCOA é uma a festa Judaica em que se comemora a libertação dos Israelitas do cativeiro egípcio. A palavra ‘Páscoa’  vem do verbo hebraico (pasah) passar por cima no sentido de poupar. Fala de quando o povo de Deus foi poupado e liberto do Egito e do domínio escravagista de Faraó.

Páscoa significa a passagem. Passagem da escravidão para liberdade.

A Páscoa comemora pelos Judeus, já era uma prefiguração da morte de Cristo e sua ressureição!

 

- Viver a páscoa é a passagem para uma vida de liberdade em Cristo. É viver a verdade Cristã que nos conduz a Deus. Nele nós fomos libertos da escravidão, não somente da escravidão física, mas acima de tudo, libertos espiritualmente. "Se, pois o filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres".

Livres das más ações

Rm 13:13-14 - Andemos dignamente, como em pleno dia, não em orgias e bebedices, não em impudicícias (imoralidade ou indecência) e dissoluções (briga ou ciúmes); mas revestidos do Senhor Jesus Cristo, e nada disponhais para a carne, no tocante às suas concupiscências (não satisfazer os seus desejos pecaminosos da natureza humana). Hb 12.1-2, Rm 12.1-2.

 

...e livres da hipocrisia

Devemos tomar cuidado também com a hipocrisia. Uma vida de aparência de bondade que  disfarça um coração cheio de maldade. Em I Co 5:6-8 Paulo utiliza os acontecimentos da Páscoa para chamar a atenção do povo. 

 

Em 1 Co 15, Paulo discorrer empolgadamente sobre a ressurreição de Jesus, disse:. A morte foi tragada pela vitória de Jesus! V.54 - E, quando isto que é corruptível se revestir da incorruptibilidade, e isto que é mortal se revestir da imortalidade, então cumprir-se-á a palavra que está escrita: Tragada foi a morte na vitória. V.58 -  “Portanto, meus amados irmãos, mantenham-se firmes, e que nada os abale”  

 

 



Voltar para o blog